sábado, 18 de outubro de 2014

25 de Outubro celebra o Dia do Macarrão


 
Meninas e meninos,
Aqui fica a dica de uma cervejaria onde já estive e tem uma ótima massa feita dentro de um enorme parmesão.
Les 3 Brasseurs tem massa feita dentro do queijo como sugestão para comemorar o dia

Vejam:
Que tal comemorar o Dia do Macarrão, 25 de outubro, com um saboroso e diferente macarrão? O Les 3 Brasseurs é um dos poucos lugares que tem no cardápio o La Parmigiana, uma massa preparada dentro do queijo.
Só de olhar o queijo parmesão enorme – no carrinho - vindo em direção à mesa já dá água na boca. Quando o garçom começa a raspar o queijo para iniciar o preparo é outra boa sensação. A seguir chega o fettuccine quentinho, gentilmente acomodado dentro do queijo, em cima das raspas e regado com azeite trufado. Flambado com cachaça, o aroma é o toque especial do prato. Para finalizar, molho forestiére.
O La Parmigiana só é feito para o mínimo de 2 pessoas e custa R$ 42 para cada um.
É o tipo de prato que vale acompanhar os detalhes e que justifica o “comer com os olhos”. “Quem experimenta pela primeira vez adora ver o preparo. É um prato que chama a atenção até dos outros clientes”, conta Laurens Defour, diretor geral Les 3 Brasseurs Brasil.
O Dia Mundial do Macarrão foi criado no dia 25 de outubro de 1995, durante o I World Pasta Congress (Congresso Mundial de Macarrão), realizado em Roma, que reuniu os principais fabricantes do mundo. Desde então, a data é comemorada em diversos países.
LES 3 BRASSEURS NO BRASIL
Que tal uma cerveja artesanal francesa, produzida no Brasil e que pode sair do tanque de combustível de um caminhão Ford de 1928? No Les 3 Brasseurs é assim, a primeira microcervejaria francesa da rede, instalada no país na segunda quinzena de novembro 2013, no Itaim, em São Paulo.
A proposta é oferecer o sabor peculiar da cerveja originária do norte da França — com grande tradição na fabricação da bebida, e também um pouco da gastronomia da região. São servidas, entre outras, cervejas que conquistaram prêmios internacionais, um reconhecimento a dedicação e expertise da marca, já que o Les 3 Brasseurs tem mais de 50 cervejarias em todo o mundo.
Junto à produção das cervejas, a casa propõe um saboroso cardápio com cozinha tipo “brasserie”, com grande influência francesa, mas com aquele toque brasileiro: uma cozinha simples e convival. Todos os pratos recebem sugestão de harmonização com as cervejas.
Até o próximo brinde!

Álvaro Cézar Galvão

sábado, 13 de setembro de 2014

COZINHANDO ÀS CEGAS: EXPERIÊNCIA INÉDITA COM A CHEF DANI PADALINO NO 3º ENCONTRO GOURMET NACIONAl



Meninas e meninos,
Vem ai mais um Encontro Gourmet, e com ele, além de muitas palestras e novidades, a Chef Dani Padalino, da Banqueteria Nacional, trará a experiência inédita o “Cozinhando às Cegas”,
“Para esta edição, propus uma novidade para agitar os bloggers, provocando ainda mais seus sentidos, sem usar a visão”, comenta Padalino.
Eu participei de uma experiência com Dani Padalino, que foi a de comer às cegas, e gostei muito, esta nova experiência me faz ficar com muita vontade de “sentir” o que seja, com todos os meus sentidos em alerta máximo.
Dani Padalino estreia este ano sua experiência com empresária, à frente da Banqueteria Nacional, onde entrou como sócia minoritária na cozinha oito anos atrás. O talento aplicado a uma dedicação e liderança vigorosos, junto à equipe de cozinheiros, ajudantes, maitres e garçons, a levaram à posição de comando na empresa. A Banqueteria se destaca por uma cozinha criativa que utiliza técnicas e ingredientes de alta qualidade, resultando em sabor e encantamento com seus serviços para festas, eventos e banquetes – para duas ou duas mil pessoas.

O Terceiro Encontro Gourmet será realizado no Campus da Estácio, em São Paulo/SP.
Av. Nossa Senhora do Sabará, 765 – Chácara Flora.
Dia 20 de setembro de 2014, sábado - das 11h às 22h.
Cozinhando às Cegas – às 13h  Duração: 40 minutos
Apenas 24 vagas  www.encontrogourmet.com.br
Banqueteria Nacional/Chef Dani Padalino
E lembre-se, que agora o endereço mais atualizado se encontra no
Até o próximo brinde!


Álvaro Cézar Galvão

quinta-feira, 11 de setembro de 2014

Nota que não gostaria de dar

 
Meninas e meninos,
Com pesar, transmito a notícia:
Aos 73 anos, 57 deles dedicados à gastronomia, morre Giancarlo Bolla
Sócio, restaurateur e chef, entre outros, do La Tambouille, Leopolldo e Bar des Arts, Giancarlo Bolla morreu, na noite de ontem (10/9), vitimado por falência múltipla de órgãos em consequência de um câncer.
Ele, que dominava como ninguém a arte da gastronomia e, com sua peculiar elegância, delicadeza e gentileza, acolhia a todos ...seus clientes, parceiros e colaboradores, criou uma rede de amigos e admiradores, o que lhe permitiu ser reconhecido como um dos grandes nomes da culinária no Brasil.
Breve Biografia Giancarlo Bolla – Nascido em San Remo, na Itália, Giancarlo Bolla chegou ao Brasil em 1957. Instalou-se em São Paulo, onde, aos 16 anos, começou sua carreira como garçom. Passou por casas renomadas como o Roma, o Rubayat e o restaurante do hotel Ca'd'Oro. Em sua adolescência, Bolla empunhava bandejas para servir visitantes em férias no balneário da Riviera Italiana.
O restaurateur sempre acreditou ter herdado o interesse por gastronomia do avô, responsável pelas refeições em um transatlântico, cujo trajeto ia de Gênova a Buenos Aires. Foi com a mãe, uma cozinheira de mão cheia, que começou a apreciar iguarias como coelho, ossobuco e vitela. Com apenas 24 anos, já era um dos maîtres mais jovens da cidade de São Paulo.
No início dos anos 90, fundou o Grupo Leopolldo com mais três sócios (Fernando Dehlomme, Jorge Elias e Francisco Lima), no qual supervisionava a cozinha e os serviços do Leopolldo Jardins, Leopolldo Itaim e do Bar des Arts.
Também era proprietário do estrelado restaurante La Tambouille.
Recebido de VOICE COMUNICAÇÃO
Até o próximo brinde!
 
Álvaro Cézar Galvão

sábado, 6 de setembro de 2014

Academia do Cacau, uma maneira gostosa de difundir nossa indústria de qualidade.


 

Meninas e meninos,

Participar de um evento onde o cacau, que já representou muito mais do que hoje para o Brasil, é uma alegria. Quem não gosta de chocolate?
Estou falando principalmente do chocolate amargo, aquele que tem teor de cacau acima de 50%,
Provado está que seus antioxidantes, as procianidinas, são benéficos para uma enorme lista de pesquisas cientificas, que vão desde ajudar a combater o câncer de intestino, melhora o fluxo sanguíneo, ajudando no LDL, o colesterol ruim, como consequência, ajuda o coração.
Também a epicatequina, outra substância encontrada no chocolate, ajuda o cérebro e aos que sofreram AVC em sua recuperação.
Para as grávidas, a teobromina encontrada nos chocolates com alto teor de cacau, ajuda a prevenir a pré-eclâmpsia (hipertensão), o chocolate também pode aliviar as dores, pois o prazer de comê-lo atua como analgésico, por isso o bem estar quando entra em sintonia na ação da endorfina e da dopamina, relacionadas ao relaxamento.
Na beleza encontramos banhos e hidratantes à base de chocolate, enfim, são realmente interessantes estas pesquisas, mas a questão é que no Brasil, terceiro maior produtor de cacau é o vigésimo em consumo, ainda são poucos os produtores do chamado cacau fino de origem.
A Harald, empresa brasileira com tradição centenária na fabricação de chocolates, em um evento com a presença do Chef pâtissier espanhol Jordi Bordas, que veio pela primeira vez ao Brasil para participar do ciclo de eventos da Academia do Cacau Fino e falar sobre o Chocolate Fino Brasileiro na Alta Confeitaria Internacional apresentou sua linha Unique feita totalmente com cacau de origem 100% brasileira.
O pâtissier Bordas é reconhecido como um dos mais prestigiados Chefs da alta confeitaria mundial responsável pelo desenvolvimento de inovadoras técnicas de pâtisserie. Em 2011, Bordas conquistou a Copa Mundial de Confeitaria -Coupe du Monde de la Pâtisserie, com a receita Rosa dos Ventos, elaborada com uma combinação de noz pecan e vários tipos de chocolate.
Foi um ótimo aprendizado participar deste evento onde Ernesto Neugebauer, presidente da Harald nos mostrou um pouco sobre a produção, industrialização e distribuição do chocolate, advindo de cacau com origem, onde seus seletos produtores, escolhidos para terem sua produção adquirida pela Harald, são responsáveis pela conservação sustentável desta cultura e das famílias que trabalham nela.
Para saber mais
Renata Silveira - 11 3643-2748 - renata.silveira@cdn.com.br
Roberta Rodrigues - 11 3643-2848 - roberta.rodrigues@cdn.com.br
www.harald.com.br
E NÃO SE ESQUEÇAM O NOVO ENDEREÇO: www.divinoguia.com.br
Até o próximo brinde!

Álvaro Cézar Galvão

sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Carla Pernambuco lança o livro Diário da Cozinheira-Viagens, memórias e receitas.


 
Meninas e meninos,

Na próxima terça-feira, dia 9 de setembro, Carla Pernambuco lança o livro: “Diário da Cozinheira – Viagens, memórias e receitas”. A noite de autógrafo acontece na livraria Cultura do Shopping Iguatemi, às 19h.

A obra é um diário de bordo gastronômico recheado de receitas, boas histórias e memórias de lugares como Turquia, Inglaterra, França, Rússia, Holanda, Portugal, Espanha, Caribe, Nova Iorque e várias cidades latino-americanas. São 224 páginas repletas de ilustrações, registros em guardanapos, rabiscos em folhetos, fatos curiosos, fotos de celular e lembranças especiais, onde Carla convida o leitor a conhecer suas passagens por alguns dos mais incríveis lugares do mundo.

Livraria Cultura do Shopping Iguatemi - 3º Piso
Endereço: Av. Brigadeiro Faria Lima, 2232 - Jardim Paulistano
Págs: 224
Preço: R$59,00
Carla Pernambuco
www.carlapernambuco.com.br
www.carlota.com.br

E NÃO SE ESQUEÇAM QUE O BLOG VIROU SITE  NO ENDEREÇO
WWW.DIVINOGUIA.COM.BR
Até o próximo brinde!

Álvaro Cézar Galvão

sábado, 26 de julho de 2014

Trufas de Chocolate produzidas em Châteuauneuf-sur-Sarthe


 

Meninas e meninos,

Chocolate é coisa séria, e agora chegaram ao Brasil as trufas Bal-Nègre, que prometem, e diga-se, cumprem acompanhar além dos tradicionais chás e cafés e sorvetes, também aos vinhos.

Lançamento por aqui, produzidas na França, em Châteauneuf- Sur- Sarthe no vale de Loire, são distribuídas no Brasil pela Alsace Food Excellence, e degustei os sabores Cacao Grué, que apresentam grãos de cacau torrados e a Noisette, com micro pedacinhos de avelãs com vinho do porto Tawny 10, e digo que ficaram muito harmônicos.

Ainda não fiz a experiência de provar o sabor Champagne, que garantem ter leve toque desta bebida emblemática, com uma taça de Champagne.

Além destes descritos acima há o sabor tradicional

A inspiração da marca remete ao glamoroso templo do jazz na Paris dos anos 20, o Bal Nègre, onde a aristocracia de toda a Europa se encontrava para assistir a famosa cantora e dançarina Josephine Baker, que a todos encantava com sua sensualidade, alegria e pele cor de chocolate. O design de sua embalagem também foi  idealizado com base no movimento Art decô, daquela época dando ares de requinte e bom gosto, além de luxo e sofisticação. 

Bal Nègre
www.balnegre.com.br

E NÃO SE ESQUEÇAM DO NOVO ENDEREÇO DO SITE DIVINO GUIA

Até o próximo brinde!

Álvaro Cézar Galvão

 

sábado, 12 de julho de 2014

Três vinhos brasileiros entre os 100 melhores do mundo



Meninas e meninos,
Esta repasso na íntegra, PARABÉNS Brasil Vinícola!!!!

Ranking mundial é promovido pela Associação Mundial de Jornalistas e Escritores de Vinhos e Licores, que considera desempenho em 75 concursos mundo afora.
O Brasil vitivinícola atinge sua maturidade no mundo do vinho com o reconhecimento da Associação Mundial de Jornalistas e Escritores de Vinhos e Licores (WAWWJ), que coloca três vinhos brasileiros entre os 100 melhores do mundo. A presença no World Wine Ranking muito se deve ao trabalho desenvolvido pela Associação Brasileira de Enologia (ABE), que desde 1995 organiza o envio de amostras para concursos internacionais.
A lista mais desejada do mundo posiciona o Brasil em 12º lugar no quesito qualidade, a frente de países com grande tradição vitivinícola. O ranking levou em consideração as 51.617 premiações alcançadas por vinícolas de 67 países em 75 concursos internacionais. “Esta é uma distinção altamente diferenciada, capaz de conscientizar os brasileiros a reconhecer a qualidade dos rótulos verde e amarelo, pois o preconceito e a falta de conhecimento ainda é muito grande”, destaca o presidente da Associação Brasileira de Enologia (ABE), enólogo Luciano Vian, que vê nesta distinção uma grande oportunidade.
Cabe destacar que o Brasil passou a estar presente nesses concursos juntamente com Estados Unidos, Canadá, Chile e Argentina e mesmo jovem no ramo vem surpreendendo o mercado. Este amadurecimento e evolução também se comprovam na realização de grandes eventos como o Concurso do Espumante Brasileiro, a Avaliação Nacional de Vinhos e o Concurso Internacional de Vinhos, este com a chancela da Organização Mundial da Uva e do Vinho (OIV), todos promovidos pela ABE.
Para estabelecer um critério justo, as pontuações dos vinhos variam de acordo com a importância relativa do concurso e a posição de todos os vinho dentro de cada categoria. Para conhecer a lista completa por país e produtores, basta acessar o link dos rankings no http://www.wawwj.com. Além de figurar no Top 100, o Brasil também é destaque no ranking dos Vinhos do Ano, premiação esta que é conferida a todos os vinhos do mundo que atingiram uma pontuação mínima anual de 125 pontos. Neste ano, 232 amostras receberam esta distinção, entre elas quatro rótulos brasileiros.
Ranking Mundial - TOP 100 melhores do Mundo
56º colocação no Ranking Geral e  2º na Categoria Espumantes – recebeu sete premiações internacionais: Aurora Espumante Moscatel – Cooperativa Vinícola Aurora
65º colocação no Ranking Geral e 1º na Categoria Merlot  - recebeu 11 premiações internacionais: Aurora Merlot Reserva 2011  - Cooperativa Vinícola Aurora
97° colocação no Ranking Geral e 8º na Categoria Espumantes – recebeu oito premiações internacionais: Garibaldi Espumante Moscatel – Cooperativa Vinícola Garibaldi
Ranking Mundial - Vinhos do Ano
56º  - Aurora Espumante Moscatel – Cooperativa Vinícola Aurora
65º  - Aurora Merlot Reserva 2011  - Cooperativa Vinícola Aurora
97° - Garibaldi Espumante Moscatel – Cooperativa Vinícola Garibaldi
135ª - Marcus James Espumante Brut – Cooperativa Vinícola Aurora
Fonte: Lucinara Masiero
www.conceitocom.br
E NÃO SE ESQUEÇA: AGORA O BLOG É SITE NO WWW.DIVINOGUIA.COM.BR
Até o próximo brinde!

Álvaro Cézar Galvão